Quarta, 14 de novembro de 2018
73 999057124
Política

22/08/2018 ás 15h45 - atualizada em 24/08/2018 ás 09h45

173

Redação

Gandu / BA

“Licitações em prefeituras da Bahia”: Se fiscalizar, não fica um, diz apresentador.
Chega de mentir pro povo.
“Licitações em prefeituras da Bahia”: Se fiscalizar, não fica um, diz apresentador.
Foto: Varela Notícias

No programa Balanço Geral desta quarta-feira (22) o apresentador Raimundo Varela comentou sobre a operação da Polícia Federal contra um esquema de fraude a licitações no serviço de transporte escolar, realizada em seis municípios baianos.


Pergunte ao prefeito da sua cidade quanto ele paga por transporte escolar alugado. Quando você somar o aluguel, você compra dez ônibus por ano. Mas o aluguel é daquele amigo que ajudou na campanha, que mantém os contratos superfaturados e passa uma propina, a chamada ‘cpf’, comissão por fora”, denunciou o apresentador.


“Chega de mentir pro povo! Vocês não querem transparência? É assim que funciona. Não tem jeito! Essa turma que gira em torno dos municípios só quer saber quem é o próximo que vai sentar na cadeira. Se eu fosse prefeito, eu compraria financiado os ônibus para minha cidade. Vou pagar o dobro para empresário amigo meu? Se fiscalizar, não fica um para contar historia. O jogo é pesado”, comentou.


“Eu liderei pesquisa com 52% para ser prefeito de Salvador. Me ofereceram dinheiro para lixo, construção civil, campanha, tempo de televisão… Na época, Geddel me disse: ‘Eu quero quatro secretarias e você fica com dois minutos e meio do MDB na campanha’. Era a contrapartida para eu usar o tempo de TV”, relembrou.


Tem que dividir o bolo. Por isso que acho que o Brasil é ingovernável. Você pode governar um país com 40 fatias? Com 35 ministérios? O povo precisa saber que é assim! Chega de mentira! Parabéns à polícia que bota essa gente na cadeia, mas daqui a pouco chega o habeas corpus”, concluiu Varela.



 Você sabia que o Portal Sulbahia1 está no facebooktwitterinstagram e youtube? Siga-nos lá.



O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Copyright © 2016-2018 Portal Sulbahia1 - E-mail: [email protected]
Site desenvolvido pela Lenium