Segunda, 25 de junho de 2018
73 999057124
Bahia

12/06/2018 ás 06h20 - atualizada em 15/06/2018 ás 20h39

14.966

Redação

Gandu / BA

Gestora do Hospital de Pirai do Norte, Ana Maria, emite nota de esclarecimento.
Nota de Esclarecimento
Gestora do Hospital de Pirai do Norte, Ana Maria, emite nota de esclarecimento.
Foto_arquivo pessoal_facebook

A gestora do Hospital municipal de Pirai do Norte/Ba, depois de ser acusada de negligência contra pacientes e falta de profissionalismo, Ana Maria Trindade, emitiu uma nota de esclarecimento, confira na integra.


Nota de esclarecimento


Quero deixar claro para a população piraiense a qual tenho muito respeito, pois são famílias dotadas de valores, que o que aconteceu na sessão da câmarade Piraí no último dia 05/06 foi nada mais nada mesmo uma armação de vereador que se sentiu incomodado porque as suas eleitoras técnicas de enfermagem que se encontravam na unidade hospitalar como voluntárias se desligaram por conta própria por terem negado socorro conforme relatório dos médicos e enfermeiros e técnicos da unidade que as crianças estavam aguardando transferência sendo que uma veio a óbito e a outrafoi para Feira de Santana , se sentiu incomodado também porque sinalizei para o chefe de transporte a questão dele entrar na unidade pegar a chave da ambulância e nem sequer avisar , incomodado porque o gestor ao ser avisado que não haveria técnicos para transferência autorizou que uma técnica de Gandu fizesse apenas as transferências em caráter emergencial até aparecer um técnico que se disponibilizasse. Inconformado porque me questionou porque os médicos não deixam a unidade para acompanhar, ele para visitar pacientes e eu disse a ele que o médico é regido pelo Cremebque não permite o plantonista deixar a unidade. Exceto quando se trata de PSF. Onde o mesmo enfatizou. ”Os outros faziam” eu respondi mais esses não fazem, trabalham certo para que depois não digam que aconteceu alguma coisa porque a culpa foi minha. Na verdade o vereador citado já estava viciado ser atendido as suas perseguições absurdas, quem em janeiro quando arrumamos a fisioterapia para voltar a funcionar ele exigiu da administração que a funcionária fosse remanejada porque a mesma explicou pra ele que existia uma agenda de atendimento e o mesmo queria que a pessoa sua fosse privilegiada na frente dos demais, porém apenas explicação se sentiu no direito de exigir o remanejamento da mesma como se fosse uma clinica particular dele.  Quanto ao ofício em nenhum momento tive conhecimento nem oficialmente nem verbalmente. Quero dizer ao Sr.Presidente quando ele pergunta quem sou eu. Sou uma cidadã de bem que exerço minha profissão com responsabilidade e não vivo de armações se vcs acham que devemafastar o gestor ou deixar de afastar, façam com base legal e não utilizando de meios mesquinhos com meu nome e com falta de postura e compostura até  no momento de utilizar o pronome de tratamento. No passado quando existia uma Câmara composta pelos ex-vereadores Junior Cardim.D.Janete, o saudoso Zito Cairo e outros com uma conduta e postura invejável recebi um ofício para discutirmosquestões da APLB ofício esse que chegou pelo funcionário dessa casa protocolado . No entanto compareci discutimos a pauta com classe sem gritaria e depois, o Sr. vem falar de falta de respeito de falta de competência Sr. Presidente? Da mesma forma que os parlamentares merecem respeito eu mereço como cidadã que pagos meus impostos e sou amparada pela Constituição Brasileira e tenho o direito de ir e vir.


Com relaçãoao meu salario absurdo que foi citado vou apurar no momento certo para que seja provado. Foi falado que liguei para o vereador preocupada com a integridade física dos pacientes e funcionários, foi verdade porque o Sr, não se preocupou com o paciente quis se livrar do problema para não ficar na sua porta mesmo sabendo que a policia já havia levantado a ficha do rapaz e orientou que não deixasse lá na unidade hospitalar. O Sr. Se preocupou ? Não! deixou lá para que eu desse meu jeito. Disse também que a técnica era funcionária e que ganhava R$ 400,00 tendo conhecimento que a mesma estava como voluntária e se propôs fazer as transferência a pedido do vereador que o tempo inteiro se manifesta com mentiras absurdas e armações. A Bíblia diz que quem mente é filho do DIABO e subir numa Tribuna ler um versículo mente o tempo inteiro é muita coragem perante Deus..


Respondendo ao pronunciamento em que o vereador relata no Blog que pediu meu afastamento, como o Sr. se contradiz hein vereador? Tenho uma mensagem onde o Sr.. conversa com uma colega que eu estava fazendo um trabalho excelente e que ia pedir aos seus colegas para  parar de implicância porque o Hospital estava com outra cara até na limpeza. E de repente deixou de buscar a verdade para ouvir seu colega que ao invés de procurar ajudar fica vestido de bermuda pelas repartições publica como se fosse a casa dele e o que é pior usando o nome de quem tem o que fazer para se promover.


Fui taxada pelo vereador de “sem caráter e terrorista” Me respeite vereador porque nunca lhe dei ousadia.  OSr. não me conhece a ponto de me chamar de sem caráter. Sem caráter é quem passa 08 anos da gestão passada e a atual mais 02 aterrorizando para manter a irmã na Capital recebendo sem trabalhar e quando solicitada a fazer um favor de marcar um exame pela Assistente Social liga exigindo diária, sem caráter é quem não tem conhecimento de causa para diagnosticar um quadro clinico da paciente citada que já estava a caminho junto com outro paciente para tratamento no Hospital da Clinicas em Salvador. Terrorista vereador é quem se apropria de uma Tribuna para se pronunciar aos gritos por não ter discurso o tempo inteiro deixando os ouvintes quase sem ouvir nada. Covarde não sou eu não. Covarde é quem além de não tercoragem nãoter dignidade para dialogar e saber o que está acontecendo e falar o que não tem conhecimento. Querotambém aqui dizer que foi citado por um vereador que estou sendo investigada por meios jurídicos. O Sr, sabe o sentido da palavra investigar por meu jurídico? Qual foi o crime cometido por mim vereador o Sr. pode citar? Porque eu vou querer provas. E qual a negligência, não permitir que a vida das pessoas fique em risco na mão de uma pessoa que não tem compromisso com sua profissão. “Olha que só está iniciando a carreira”. A população precisa ter conhecimento que a Câmara em nenhum momento se preocupou quando no mês de dezembro não havia medico na cidade, todos vocês passaram seu Natal e Réveillon tranquilos porque eu estava correndo atrás para deixar a população beneficiada. O serviço de fisioterapia não estava funcionando há um ano, a Comissão de TFD não existia, os gastos com diárias de motoristas, gastos com transporte de pacientes era absurdo e muitos pacientes ficavam sem atendimento devido a demanda. A casa de apoio nãoexistia. Hoje TFD(Tratamento Fora do Município) existe um convênio feito por nós, para dar comodidade ao paciente debilitado. A Câmara nunca procurou saber em 2017 se existia as ações  com Roda de Gestante no PSF, Educação continuada com os ACS, Visita domiciliar .Hoje todas essas ações estão sendo desenvolvidas, por essa razão que fui   convidada pelo Prefeito para resolver os problemas da Saúde que é publico e notório que estava a desejar. Esse foi um dos motivos que mim levou a aceitar o convite do prefeito, para dar a minha colaboração para toda a comunidade. A Câmara só se preocupou quando 02 técnicas que negaram socorrocolocando em risco 02 crianças  01 vindo a óbito, porque é eleitora do edil que fez sua armação de forma maldosa, mentindo sobre um oficio que não não tive conhecimento e que não cabia a ele direcionar essa correspondência, até onde sei toda Câmara tem uma Secretária e um servidor com um livro de protocolo(deve ter).


Quanto a publicação que o vereador postou no seu facebook particular com foto do edital da licitação e a ressalva “Que a empresa é minhae que aqui você não vai crescer”.Quero lhe dizer vereador que eu já sou grande espiritualmente, culturalmente e financeiramente. Não preciso viver pressionando gestores para me dar bem não.Também vou querer provas. 


A Câmara realmente está muito preocupada com a saúde da população tanto que no dia seguinte 06/06/2018 após a sessão o vereador que provocou sua armação junto com outros colegas mentindo que havia me entregue o oficio e que os chamei de palhaço convocou a técnica que deveria está enquadrada nos art. 126-128 e 129da resolução do COFEN para realizar a transferência de paciente e seus colegas apoiaram sua insana atitude. Sinto pela população embora não seja desejo do Gestor, pois o mesmo tem conhecimento que não desacatei nenhum parlamentar e que o vereador não tem poder de afastar funcionário por força de justiça, eu já informei a ele que não tenho nenhum interesse em continuar dando a minha contribuição para melhoria da saúde do município de Pirai do Norte.


Diante de tudo exposto resta apenas salientar que tenho a consciência tranquila na certeza que dei o melhor de mim para que a população pudesse contar com no mínimo do pouco daquilo que lhe é de direito.


UMA SAÚDE DESCENTE.


Piraí do Norte, 11 de junho de 2018


Ana Maria Trindade Reis


Enfermeira



Você sabia que o Portal Sulbahia1 está no facebooktwitterinstagram e youtube? Siga-nos lá.



O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Copyright © 2016-2018 Portal Sulbahia1 - E-mail: [email protected]
Site desenvolvido pela Lenium