domingo, 22 de julho de 2018
73 999057124
Saúde

17/06/2018 ás 15h53

99

Redação

Gandu / BA

Taxa é de alto risco, diz Ministério da saúde sobre Índice de infestação do aedes aegypti em Itabuna.
Infestação do mosquito aedes aegypti em Itabuna é de 13,1%.
Taxa é de alto risco, diz Ministério da saúde sobre Índice de infestação do aedes aegypti em Itabuna.
Focos do Aedes aegypti foram encontrados nos tanques de uma casa em Itabuna, no sul da Bahia (Foto: Reprodução/TV Santa Cruz)

Os dados coletados pelos agentes de endemias no Levantamento Rápido do Índice de Infestação do Aedes aegypti (LIRAa), em maio deste ano, apontam que o índice de infestação do mosquito aedes aegypti em Itabuna, no sul da Bahia, é de 13,1%. A taxa é considerada alta pelo Ministério da Saúde, já que a pasta classifica como de alto risco, infestações acima de 3,9%.


O bairro de Itabuna com maior índice de infestação é o Sarinha, onde 56% das casas e apartamentos tem focos do mosquito, apontou a pesquisa.


O aedes aegypti é o mosquito transmissor de doenças como dengue, chikungunya e zika. Para acabar com os focos desse mosquito, o coordenador de endemias de Itabuna, Roberto Goés, falou sobre as ações da prefeitura para reduzir o índice de infestação, mas também disse que é importante a ajuda da população para acabar com os focos do mosquito.


"Nós temos atividades permanentes em toda a cidade. Nós estamos fazendo a pulverização focal e espacial também", explicou Góes.



Você sabia que o Portal Sulbahia1 está no facebooktwitterinstagram e youtube? Siga-nos lá.



O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Copyright © 2016-2018 Portal Sulbahia1 - E-mail: [email protected]
Site desenvolvido pela Lenium