Quinta, 02 de abril de 2020
73 999057124
Esportes

16/02/2020 às 16h37 - atualizada em 17/02/2020 às 21h33

Redação

Gandu / BA

Flamengo inicia 2020 com título da Supercopa do Brasil
Equipe carioca derrota Athletico-PR por 3 a 0
Flamengo inicia 2020 com título da Supercopa do Brasil

O Flamengo inicia o ano de 2020 como encerrou o de 2019, conquistando títulos. Diante de mais de 48 mil torcedores, a equipe carioca derrotou o Athletico-PR por 3 a 0, neste domingo (16) no estádio Mané Garrincha (Brasília), e conquistou a Supercopa do Brasil.


Esta é a primeira vez que o rubro-negro carioca conquista o título da competição criada em 1990. Tendo inspiração nos torneios europeus, a Supercopa do Brasil reúne os dois campeões nacionais (Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil) no início da temporada seguinte. Até este domingo, haviam acontecido apenas duas decisões de Supercopa. Em 1990 o Grêmio se sagrou campeão ao vencer o Vasco, e em 1991 o Corinthians faturou o título ao derrotar o Flamengo.


O jogo


O Flamengo começou a partida melhor, adiantando suas linhas e imprensando o Athletico em sua defesa. Com isso, apenas a equipe carioca criava chances de perigo.


Flamengo de Everton Ribeiro (esquerda) conquista primeiro título de 2020 - REUTERS / Adriano Machado/Direitos Reservados


A pressão do atual campeão do Brasileiro foi tamanha que ele não demorou a abrir o marcador. Aos 14 minutos Gabigol recebe a bola na direita e cruza para a área, onde Bruno Henrique se antecipa a dois marcadores e marca de cabeça.


Mesmo com a vantagem no marcador o Flamengo continuou mandando na partida. E o segundo veio aos 28 minutos. Filipe Luís cruza na área do Athletico, o lateral Márcio Azevedo tenta recuar para o goleiro Santos com passe de peito. Mas o toque é fraco. Gabigol aproveita o vacilo e toma a bola, dribla o goleiro e chuta para a meta vazia.


Apenas após o 2 a 0 é que o time paranaense consegue criar algo, muito por conta da diminuição do ritmo da equipe da Gávea.


A primeira chance atleticana surge aos 40 minutos, quando o goleiro Santos faz ligação direta para Marquinhos Gabriel na ponta esquerda. O camisa 10 do Athletico se livra de Rodrigo Caio e chuta cruzado. Mas Diego Alves defende com tranquilidade.


Porém, a melhor chance vem dois minutos depois, quando Rony se livra de Rafinha e cruza rasteiro para o meio da área, onde Erick perde chance claríssima.


Na etapa final, o Athletico chega a ensaiar uma recuperação. Logo aos 10 minutos Erick cabeceia com perigo após bola levantada na área do Flamengo.


Aos 19 é Guilherme Bissoli quem dá trabalho para o goleiro Diego Alves. Erick cruza da direita para cabeceio com perigo do camisa 17.


Mas, mesmo em um ritmo menor, o Flamengo mantém o controle da partida. Com isso, chega ao terceiro. Aos 23 minutos, Arão lança Bruno Henrique na esquerda. O atacante avança em grande velocidade e, ao chegar na área adversária, tenta tocar para Gabigol. Santos corta parcialmente a jogada e a bola fica livre para o uruguaio Arrascaeta, que chuta da entrada da área.


Bruno Henrique (esquerda) marcou um gol para o time carioca - REUTERS / Adriano Machado/Direitos Reservados


A partir de então as equipes passam a criar chances de lado a lado, mas o placar permanece inalterado. 3 a 0 para o Flamengo, que conquista pela primeira vez a Supercopa do Brasil.


Sequência de decisões


Após o jogo deste domingo, o Flamengo continua em uma sequência de decisões. A primeira será na próxima quarta (19), quando enfrenta o Independiente Del Valle (Equador) no estádio Olímpico Atahualpa (Quito) na partida de ida da Recopa Sul-Americana.


No próximo sábado (22) disputa a final da Taça Guanabara, no Maracanã (Rio de Janeiro), com o vencedor de Boavista e Volta Redonda.


Para terminar há o jogo de volta da Recopa Sul-Americana contra o Independiente Del Valle, partida que acontece no dia 26 de fevereiro no Maracanã.


► Já conhece o Instagram do Sulbahia1? Siga a gente!


►Já conhece o facebook do Sulbahia1? Siga a gente!


Envie denúncias, informações, vídeos e imagens para o WhatsApp do Sulbahia1, (73 9-9905-7124)


SAIBA MAIS





 


 

 



 

 


Ver essa foto no Instagram


 



 

 

 



 

 



 

 

 



????Rui Costa reage a #Bolsonaro e diz que governo #baiano não tem 'laços de #amizade' com #bandidos ✏️O #governador da #Bahia, #Rui #Costa (PT), disse na tarde deste sábado, 15, por meio de sua conta no #Twitter, que o governo baiano "não mantém laços de amizade nem presta homenagens a bandidos nem procurados pela #Justiça". ????????Na rede social, o governador disse também que o #Estado "não vai tolerar nunca milícias nem #bandidagem" e que policiais têm direito de salvar suas próprias vidas quando atacados, "mesmo que os #marginais tenham laços de amizade com a #Presidência". A #declaração foi dada em duas postagens, em referência às afirmações feitas mais cedo pelo presidente da República, #JairBolsonaro, no Rio de Janeiro, que apontou a "polícia da Bahia, do PT", pela morte do #miliciano #AdrianoMagalhães da #Nóbrega, o capitão Adriano, no domingo passado no município de #Esplanada, a 170 km de #Salvador. ►Em 2005, o então deputado estadual e hoje senador Flávio Bolsonaro (Sem Partido-RJ), filho mais velho do presidente da República, concedeu a Medalha Tiradentes, mais alta condecoração da Assembleia Legislativa, ao miliciano. Flávio Bolsonaro também empregou a mãe e a mulher de Adriano. #Política #RuiCosta #Bolsonaro


Uma publicação compartilhada por SulBahia1 (@sulbahia1) em



O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Copyright © 2016-2020 Portal Sulbahia1 - E-mail: [email protected]
Site desenvolvido pela Lenium