Terça, 26 de maio de 2020
73 999057124
Economia

09/04/2020 às 17h48 - atualizada em 09/04/2020 às 17h52

Redação

Gandu / BA

Inscrito no CadÚnico pode ter automaticamente tarifa social de energia
Projeto de lei foi aprovado na Câmara e segue para o Senado
Inscrito no CadÚnico pode ter automaticamente tarifa social de energia
Inscrito no CadÚnico pode ter automaticamente tarifa social de energia

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quinta-feira (9), em sessão remota, o Projeto de Lei 1106/20 que determina que as empresas de distribuição de energia elétrica (concessionárias, permissionárias e autorizadas) deverão inscrever automaticamente na lista de beneficiários da Tarifa Social de Energia Elétrica (TSEE) quem está registrado no Cadastro Único (Cadúnico). O banco de dados reúne os beneficiários de programas sociais como o Bolsa Família e o Benefício da Prestação Continuada (BPC).


Segundo o autor da proposta, deputado André Ferreira (PSC-PE), hoje, a Lei 12.212/10, que trata da tarifa social, prevê que o governo e as concessionárias devem informar as famílias inscritas no CadÚnico sobre o direito a até 65% desconto na conta de luz. A falha, para Ferreira, é que não há a obrigação de incluí-las automaticamente na lista de beneficiários da tarifa social. Para terem o benefício, as famílias precisam procurar a distribuidora. O texto segue para apreciação do Senado Federal.


Curte e Segue a página do Portal Sulbahia1 e mantenha-se atualizado diariamente, [Clique e Participe].

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Copyright © 2016-2020 Portal Sulbahia1 - E-mail: [email protected]
Site desenvolvido pela Lenium